A CAPCOM está certa em apostar em remasterizações?

Olá amigos, boa tarde.

Recentemente foi divulgado na mídia que a CAPCOM estaria com a vontade de investir seu tempo e dinheiro em remasterizações de jogos clássicos em detrimento da produção de novos games. Afinal, isso é bom ou ruim?

capcom

Na madrugada de ontem para hoje (aqui no Brasil) fomos surpreendidos pelo anúncio da desenvolvedora no qual a mesma confirmou o relançamento de Resident Evil Zero, dessa vez na forma remasterizada para PS3, Ps4, X360, XOne e PC.

Com a confirmação de mais um Resident Evil Remasterizado, é imperioso apontar que podemos estar diante de uma tendência quanto aos Resident Evils, que poderá culminar em um lançamento de um Remake de Resident Evil 2 ou 3. Isso seria, de fato, fantástico. Indo além, convém também analisar o que este comportamento poderá trazer às demais franquias da empresa. Vejamos.

Os prós

Sem dúvida, o principal aspecto positivo de se investir em remasterizações diz respeito aos fãs mais antigos. Como estamos falando de uma empresa dinossáurica do mundo dos games, é inevitável que seus carros-chefe sejam franquias mais antigas como Resident Evil, Devil May Cry e Megaman. Com isso, uma legião de fãs é privilegiada, pois poderão desfrutar de uma novíssima experiência revivendo um jogo clássico.

Além disso, as remasterizações podem introduzir no mercado jogos que, muitas vezes, poucas pessoas tiveram a possibilidade de jogar (caso de Resident Evil Remake e Resident Evil Zero que só foram lançados para o Game Cube e Wii em razão de um contrato de exclusividade entre CAPCOM e Nintendo). 

Os contras

Porém, o que diriam os fãs novos? Ou ainda, os fãs antigos que desejam jogos novos? Pensamos que estes também merecem atenção por parte da CAPCOM. Ou seja, o que na realidade deveria ser feito seria a utilização da ponderação por parte da desenvolvedora. Tudo bem lançar remasterizações, mas uma empresa com o porte da CAPCOM não pode simplesmente ignorar os demais nichos da indústria dos games e focar-se única e exclusivamente em remasterizações. Afinal, as franquias já consolidadas podem também exploradas por meio de jogos novos, que agreguem às respectivas histórias.

Vejam também:

Os melhores jogos de luta para Super nintendo

Tudo sobre o DreamCast

Análise completa de Resident Evil HD Remastered para PS4

O que esperar?

Se a tendência de confirmar, esperamos ver mais remasterizações (preferencialmente remakes) da série Resident Evil. É possível também que a CAPCOM explore ainda mais o nome do Street Fighter, sem contar a vasta biblioteca de títulos remasterizáveis que a mesma possui. Impossível não lembrar do saudoso Mega Man, uma franquia que há anos está parada e que possui muitos fãs ao redor do mundo (isso por si já demonstra o potencial da franquia que jamais fora explorada nas gerações mais atuais de consoles).

Não obstante as considerações feitas acerca das remasterizações, esperamos também que novos títulos dessas séries já consagradas sejam lançados, bem como novos jogos sejam apresentados ao público, pois apesar da saturação do mercado de games, um jogo de qualidade sempre terá seu espaço.

CURTA O PP NO FACEBOOK

As últimas do PP:

Resident Evil Zero confirmado! Veja o vídeo

Review – Mortal Kombat X

Daytona USA – um dos melhores jogos de corrida já feitos!

  • Meganegão

    Hoje temos muitas desenvolvedoras fazendo jogos incríveis, eu não só aprovo como torço para que a Capcom traga os jogos dá minha infância para o futuro, pois por ser propriedade dela, só ela pode fazer. Franquias novas? Estamos muito bem servidos atualmente.