A história dos fliperamas e arcades

A história dos fliperamas e arcades: nostalgia pura

No post de hoje vamos analisar o papel fundamental que os arcades tiveram na evolução dos videogames. Os mais novos possivelmente não se lembram da experiência única de ir até um fliperama e jogar os mais variados jogos nos bons e velhos joysticks.

Apesar de ser uma espécie de videogame, os arcades se diferem e muito dos videogames de mesa, haja vista que há por parte do usuário maior interação em alguns fliperamas como pinball e até mesmo aquelas máquinas em que o objetivo é acertar o maior número de arremessos em uma cesta de baquete de verdade por exemplo.

A história dos fliperamas e arcades: nostalgia pura
A história dos fliperamas e arcades: nostalgia pura

Primórdios

A evolução dos fliperamas se confunde com a evolução e criação do videogame em si. Segundo alguns, o primeiro fliperama já criado data de 1971 e foi produzido por estudiosos da Faculdade norteamericana de Stanford com o nome de Computer Space. No jogo, o jogador controla uma espaçonave e seu objetivo é destruir objetos e inimigos.

Computer space: A vanguarda dos arcades
Computer space: A vanguarda dos arcades

Em 1972 é lançado o famoso Pong. Segundo muitos estudiosos sobre games, Pong foi o primeiro videogame criado. O jogo tentava simular uma partida de pingpong e nele era possível que um jogador enfrentasse o outro. Você poderá ler um post especial e completo sobre o Pong clicando aqui.

Arcade de Pong
Arcade de Pong

 Confira um especial com os jogos que marcaram o último bom ano do PS2

Pong: objetivo era não deixar a bola passar pela barra
Pong: objetivo era não deixar a bola passar pela barra

Três anos depois do lançamento de Pong, a produtora Midway lançou o Gun Fight.

Gunfight: verdadeira revolução para a época
Gunfight: verdadeira revolução para a época

No ano seguinte (1976), a Atari lançou o primeiro jogo em primeira pessoa que se chamava Night Driver.

Uma versão de nightdriver que contava até com cabine para o piloto
Uma versão de nightdriver que contava até com cabine para o piloto

 Confira um especial com os jogos de Dragon Ball para NES

O objetivo era não sair do trajeto
O objetivo era não sair do trajeto

Em 1978 a Taito lançou o poderoso Space Invaders. Esse game revolucionou tudo o que já havia sido feito em matéria de entretenimento e deixou sua marca de forma extremamente positiva. Trata-se de um verdadeiro ícone na história dos jogos. Nele, o jogador deve defender a terra de invasores extraterrestres.

Space Invaders: Ícone da cultura pop norteamericana
Space Invaders: Ícone da cultura pop norteamericana

Tudo sobre o RetroN5: Console que roda Super Nintendo e Mega Drive por U$100

Apesar de a década de 70 ter apresentado uma fantástica evolução nos games, foi a década de 80 que marcou a verdadeira febre dos arcades.

O auge

O auge dos fliperamas ocorreu do início da década de 80 até os meados da década de 90. É possível apontar que a principal causa do fim dos fliperamas foi a facilidade com a qual as pessoas passaram a poder adquirir os consoles de mesa e os PC’s. Os gamers passaram a poder jogar no conforto do seu lar os mesmos jogos que jogavam nos arcades.

Nós do PP fizemos uma pequena lista de games que marcaram nossa vida. Impossível seria elencar todos os melhores games já feitos para os arcades pois acabaríamos por cometer injustiças:

– Cruis’n USA:

É um jogo de corrida lançado em 1994 e posteriormente lançado também para o Nintendo 64. Sua característica mais marcante era a possibilidade de dar um boost apertando rapidamente duas vezes o acelerador.

O segredo era saber utilizar bem o nitro
O segredo era saber utilizar bem o boost

-Mortal Kombat:

Dispensa maiores apresentações. Foi inovador na época pois bateu de frente com a mídia e os costumes conservadores das famílias norteamericana em razão do excesso de violência e sangue no jogo. Em razão disso, acabou por ser censurado em diversos países em seu posterior lançamento para os consoles. Na versão do SNES não há sangue, porém o jogador poderá liberá-lo. Basta fazer a (famosa) combinação ABACABB.

mk1

– Daytona USA:

Um grande e muito realista jogo de corrida lançado pela SEGA para os fliperamas. É perceptível que sua criação baseou-se nas corridas da NASCAR, porém não faz uso exclusivo de circuitos ovais.

Se você já foi a um fliperama você já viu esse arcade
Se você já foi a um fliperama você já viu esse arcade

-Pacman:

Simplicidade é a maior característica do Pacman (jogo esse que até hoje pode ser visto nos poucos fliperamas que restam por aí). O objetivo do jogador é comer todas as pastilhas sem ser alcançados pelos fantasmas.

pacman

-Street Fighter 2:

Possivelmente um dos maiores games que chegaram aos arcades. Era possível ver filas e mais filas para poder jogar o game. A versão original do game vendeu 60.000 máquinas de arcade e a Champion edition vendeu perto de 140.000 máquinas apenas no Japão.

Street Fighter 2
Street Fighter 2

Confira nossa análise de GTA V

Depoimento

 Como esse é um post especial, vamos trazer o depoimento de alguns gamers que viveram o auge dos arcades e que poderão ajudar a explicar o sentimento de encontrar os amigos para jogar nos fliperamas.

Segundo Maurício Mansani:” Era muito legal ir aos fliperamas pois lá era o ponto de encontro do pessoal que curtia videogames. Não eram todos que tinham consoles então o pessoal se encontrava no fliperama. Me lembro que havia vários fliperamas pela cidade. Eu gostava muito de jogar quando viaja para a praia com minha família. Lá tinha vários locais com arcades”.

Situação atual

Nos dias de hoje, ainda é possível encontrar fliperamas espalhados pelas várias cidades brasileiras em locais como shoppings e restaurantes. Já aqueles gamers mais abonados podem comprar seu próprio arcade e deixar e casa (sonho meu). Há ainda mais uma alternativa para aqueles que gostariam de desfrutar dos jogos que jogavam nos fliperamas: basta baixa-los em seu computador por meio de emuladores e roms. Confira tudo sobre emuladores e roms aqui. É possível também adquirir joysticks idênticos aos dos fliperamas no mercado livre e outros sites de compra e, em conjunto com o emulador, simular a experiência que se tinha muitos anos atrás.

Se esse conteúdo foi útil para você pedimos que curta nossa fan page no facebook para posts e notícias diárias sobre games do passado, presente e futuro.